Web Toolbar by Wibiya

sexta-feira, 18 de abril de 2014

Afirmações para crianças: Imprimindo as crenças certas

Por: Christie Marie Sheldon

Adultos beneficiam-se de afirmações positivas, e as crianças também! Como a maioria das crenças auto-limitantes tem origem na infância, você pode dar aos seus filhos uma vantagem em abundância, felicidade e uma grande vida com uma dose diária de auto-fala positiva.

Crianças jovens, assim como os adultos, gostam de ouvir declarações positivas sobre si mesmos, especialmente quando se fala em voz alta por pessoas que elas amam e respeitam.

Como pai e/ou mãe, você é o modelo mais influente de seus filhos. Seus comportamentos e palavras podem capacitar nossos filhos ou enfraquecê-los. Ensine aos seus filhos o poder da auto-fala positiva fazendo você mesmo, em sua presença.

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Vídeo: O ego, os desejos e a consciência


Ótimo vídeo de Flávio Siqueira sobre o ego, nossos desejos e a consciência. Reflexão bacana para esta semana de Páscoa. -Namastê

sexta-feira, 7 de março de 2014

Vídeo: 20 coisas que deveríamos falar mais vezes.


Crianças fazendo a diferença: Este é o irreverente Robby Novak, um garoto de 11 anos mais conhecido pelo apelido “Kid President”, que ficou famoso com suas mensagens motivacionais e engraçadas. Veja que bacana quando expressamos nossa verdade de forma divertida e descontraída.

terça-feira, 4 de março de 2014

Ouça seu guru interior: A fantástica mente intuitiva.

Por: Christie Marie Sheldon

Você já deve ter ouvido falar sobre como a mente intuitiva é uma fantástica fonte de orientação. É verdade!

Em seu famoso discurso de formatura em 2005 na Universidade de Stanford, o falecido Steve Jobs deu este conselho para os formandos: "[não deixe] o barulho da opinião dos outros calar a sua própria voz interior ... tenha a coragem de seguir seu coração e intuição."

Seguir a intuição requer coragem, porque a orientação intuitiva pode parecer contradizer a lógica e a razão. Por exemplo, você pode receber uma oferta de trabalho que pareça incrível no papel. É um grande salário, horas razoáveis, parece que poderia ser um bom trabalho e que é a resposta para seus problemas financeiros ... mas algo na boca do seu estômago alerta que você pare e reconsidere. Você está dividido. Você sabe que você precisa de um trabalho, e você pode se perguntar se o que você está sentindo é apenas faz-de-conta. Algo simplesmente não se encaixa bem, mas ... a lógica diz "aceite". Você aceita o trabalho. Algumas semanas depois, seu chefe mostra os primeiros sinais de ser difícil de se trabalhar. Você tenta fazer o melhor das coisas, pensando que as coisas vão melhorar à medida que você se adapta. Isso não acontece. O patrão mostra suas verdadeiras cores - ele é desorganizado, caótico e em um perpétuo estado de emergência. Isso faz com que você sinta um estresse imenso porque ele está constantemente interrompendo seu progresso ao colocar você para apagar vários incêndios - e depois repreende por não ter feito seu trabalho. Mas o salário é bom ... então você fica. Até que um dia, você chega no seu limite, e pede a conta.

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

A mensagem é clara: VOCÊ é PODEROSO, e eles não querem que você saiba disso.

Por: Inélia Benz

Vocês são poderosos e eles não querem que você saiba disso. Quem são "eles"?

"Eles" são os indivíduos que projetam autoridade sobre si mesmos, e fazem o resto de nós pensarmos que precisamos ouvir coisas a partir deles, obter a sua permissão, ou pagar-lhes algo para viver no planeta. Por que dar-lhes toda a autoridade sobre nós? Porque fomos ensinados desde o primeiro dia a fazê-lo. E porque se não o fizermos, somos informados de que vamos morrer, ou pior, vamos sofrer.

Agora, não vamos cair no ciclo vítima/agressor aqui. "Eles" existem porque estamos todos de acordo em tê-los lá. A maioria de nós acha mais fácil ter alguém gerenciando a maioria de nossas vidas, diga-nos o que é "real", o que não é "real", dê-nos "canais oficiais de informação", e diga-nos como viver nossas vidas.

domingo, 9 de fevereiro de 2014

Reconhecendo os demônios da mente egóica

Por: Ronald Alexander

Será que não desejamos todos felicidade, alegria, realização e paz? Então, por que tantas pessoas estão presas em empregos e relacionamentos pouco saudáveis ​​ou insatisfatórios? Tradicionalmente, nos foi dito que, para alcançar a felicidade, devemos usar nossas mentes para descobrir o que nos faria feliz e, em seguida, trabalhar duro para alcançar o nosso objetivo. O problema é que mesmo a mente mais nítida, mais esperta é limitada em sua capacidade de criar oportunidades e ver as possibilidades. Sem a orientação do coração, estamos apenas tocando notas em um piano, não compondo uma melodia. Para sair do sofrimento e de volta para o contentamento e alegria, temos de ouvir a música que ecoa de nossos corações e ir para onde ele leva.

Algumas pessoas são capazes de abraçar o processo de transformação tão facilmente que eles evoluem aparentemente sem esforço, enquanto outros ficam presos, com medo de fazer um movimento, esperando em vão que a mudança que eles desejam acontecerá magicamente e sem dor. Para aqueles que ficam presos, seu ego, ou falso Eu, muitas vezes apresenta uma longa lista de argumentos para combater as mudanças que anseiam ou evitar as mudanças que os obrigam a sair da sua zona de conforto, mesmo que o custo seja sua próprio felicidade.

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Panache Desai: Sua zona de conforto está segurando você

Por: Panache Desai

Todos nós temos a nossa zona de conforto. Seja em relacionamentos, empregos, amizades ou apenas a vida cotidiana, todos nós temos aquele lugar que sentimos que podemos navegar
com confiança. Criamos este casulo de segurança em torno de nós para nos proteger de nossos desconfortos percebidos - experiências passadas, as feridas do passado, decepções passadas. Pode não ser o melhor lugar para o nosso crescimento ou até mesmo a felicidade, mas sabemos que neste território não há surpresas. Na zona de conforto, podemos permanecer ociosos e imutáveis. É tudo sobre nós e a ilusão de sentir-se seguro.

Mas em algum momento, sua vida precisa se transformar em algo mais do que você. Ela precisa se ​​tornar mais do que a sua história, o que aconteceu, o que poderia ter acontecido ou deveria ter acontecido. Chegará um momento em que você tem que amar a si mesmo o suficiente para tornar a sua vida em algo mais do que apenas você. Se não, a sua brilhante, luminosa vida, vai infelizmente, para o lixo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...